sábado, 22 de outubro de 2011

“Querido amor,




Com uma caneta e papel ela foi até seu quarto, com a janela aberta e o vento em seu rosto secando suas lágrimas ela começou (…)
Querido amor,
Sim sou eu novamente, depois de tantas e tantas indiretas finalmente essa será a ultima. Acho que você ainda não entendeu o quanto te amo e o quanto te quero perto de mim, mas nem sempre o que queremos acontece… – Suas lágrimas apagaram algumas palavras anteriormente escritas. – Ai eu me pergunto: Por que? Por que você e não outra pessoa? Por que meu coração escolheu você? Por que o seu não me escolheu? Sabe quando a gente cansa? Então. Eu finalmente entendi que não vale mais a pena correr atrás de você. Que mesmo depois de tudo e de todo o sofrimento pelo qual passei, entendi que não preciso de você. Mas eu não posso. Não posso me prender a uma única pessoa em minha vida toda. E é por isso que estou te mandando essa ultima carta, quero lhe dizer que desisti de você, nunca mais irei te procurar. Agora eu tenho que me preocupar em reconstruir meu coração.Adeus.
Ass: A garota que te amava.”
Secando suas lágrimas, ela colocou um sorriso no rosto e levantou a cabeça. Colocou a carta em um pequeno envelope com o cheiro de lavanda, deixou-o na casa dele e foi embora. Foi embora conhecer pessoas que a amem como ela o amou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja aqui uma demonstração do efeito estrelinhas no ponteiro de mouse Para trocar a cor deste efeito você só precisa mudar o código que está logo no começo do código: